Oliveira de Azeméis dois dias em festa com a realização do Mercado à Moda Antiga0 Comentários

Por azemeis.com
Notícia submetida em 12 Mai 2016 às 1:52

Este fim-de-semana o centro histórico de Oliveira de Azeméis enche-se de artesãos, música popular, tradições, costumes, ofícios antigos, animação de rua, jogos tradicionais, produtos agrícolas e tendas gastronómicas.

Tudo pronto para o Mercado à Moda Antiga que se realiza este fim-de-semana

Tudo pronto para o Mercado à Moda Antiga que se realiza este fim-de-semana

Será assim a edição do mercado à Moda Antiga que, este sábado e domingo, assinala 20 anos de existência e traz para a rua cerca de dois mil figurantes que recriarão o mercado que se realizava há mais de 100 anos na antiga Praça dos Vales.

“Durante dois dias Oliveira de Azeméis volta mostrar ao país a sua identidade cultural, regressando às suas origens e tradições naquilo que é uma recriação fiel de como era a vida da população há um século”, afirma Hermínio Loureiro, presidente da Câmara Municipal.

O crescimento registado nos últimos anos e o aumento da qualidade do evento estão na base do alargamento do perímetro do Mercado de 35 para 38 mil metros quadrados .

Ao longo das ruas Bento Carqueja, António Alegria, Largo da República, jardim público e avenida António José de Almeida o público vai poder apreciar artes e ofícios antigos (como o oleiro, o tamanqueiro, a tecedeira, o barbeiro, a padeira, a costureira e o ourives), degustar o melhor da gastronomia nas tasquinhas tradicionais, comprar produtos típicos hortícolas e escutar música tradicional. Todo este cenário é composto por cerca de dois mil figurantes de 80 associações que, trajados a rigor, asseguram a reconstituição histórica do Mercado.

“Este é um evento marcante, sem entradas pagas, um encontro de gerações com animação e alegria permanente pelo que convido todas as pessoas a visitarem Oliveira de Azeméis este fim-de-semana”, explica Hermínio Loureiro, recordando que, “neste espaço intergeracional” há a preocupação de “todos se sentirem envolvidos”, incluindo as crianças que “terão ao seu dispor jogos pedagógicos e irão perceber como muitas coisas aconteciam no passado”.

Destinado a assinalar o 20ºaniversário do Mercado, a organização promove, no dia 15, um espetáculo, às 20h30, com a cantora de fado Carminho, que encerra a edição de 2016.

O Mercado à Moda Antiga de Oliveira de Azeméis é um projeto cultural que nasceu em 1997 por iniciativa do Grupo Recreativo, Associativo e Cultural de Cidacos e que, desde 2014, é gerido pela autarquia.

O evento foi criado com o objetivo de se realizar apenas nesse ano mas com o sucesso da primeira edição o projeto acabou por ter continuidade e é hoje o maior cartaz cultural do município e considerado a maior manifestação do género em toda a Área Metropolitana do Porto. O Mercado tem a parceria da Federação das Associações do Município de Oliveira de Azeméis (FAMOA).

Programa de animação

Sábado, dia 14 de maio

14h00 – Grupo Folclórico “As Padeirinhas de Ul”
14h30 – Cavalinho da Banda de Música do Pinheiro da Bemposta
15h00 – Kopinxas – Teatro de rua “Os Rurais”
15h15 – Encenação infantil da obra “Emigrantes” – Escola Básica do 1º Ciclo da Areosa (Local – Largo da República)
15h30 – Grupo Folclórico de Cidacos
16h00 – Grupo de Concertinas do Museu Regional de Cucujães
16h30 – Rancho Folclórico do Grupo Musical Macinhatense
16h45 – Encenação infantil da obra “Emigrantes” – Escola Básica do 1º Ciclo da Areosa (Local – Praça José da Costa)
17h00 – Rancho Folclórico “A Chama”
17h30 – Grupo de Danças e Cantares de S. Martinho da Gândara
18h00 – Grupo de Cantares Villa Cesari
18h15 – Encenação infantil da obra “Emigrantes” – Escola Básica do 1º Ciclo da Areosa (Local – Espaço Campo na Cidade)
18h30 – NOZ Grupo de Concertinas de Nogueira do Cravo
19h30 – Grupo de Concertinas da Associação Cultural de Romariz
20h30 – Grupo Concertinas Juventude e Animação (Locais – Praça José da Costa + Rua António Alegria junto à Cliaz)
21h00 – Bardoada – Grupo do Sarrafo
22h00 – Grupo de Bombos Pindelo

Domingo, dia 15 de maio

11h00 – RETIMBRAR – Oficina percussão tradicional com participação do público
14h00 – RETIMBRAR – Arruada de Percussão tradicional com participação do público
14h30 – Grupo de Cavaquinhos da Universidade Sénior de Oliveira de Azeméis
14h45 – Encenação infantil da obra “Emigrantes” – Escola Básica do 1º Ciclo da Areosa (Local – Largo da República)
15h00 – Grupo de Bombos e Gigantones Os Janizários
15h15 – Tocador de Realejo (Local – Largo da República)
15h30 – Reynação – Grupo de percussão Figueiredo de Rey
16h00 – Teatro Dom Roberto – “Zé do Telhado” e “Castelo Assombrado” – Marionetas da Feira (Local – Largo da República)
16h30 – Grupo Folclórico Juventude de Santa Maria de Pindelo
17h00 – Grupo de Danças e Cantares de Nogueira do Cravo
17h15 – Encenação infantil da obra “Emigrantes” – Escola Básica do 1º Ciclo da Areosa (Local – Espaço Campo na Cidade)
17h30 – Rancho Folclórico “Cravos e Rosas” de Santa Maria de Ul
18h00 – Grupo de Concertinas da Associação Cultural de Romariz
18h30 – Fanfarra Kaustika
19h00 – Grupo Contradicordes – Música, Acordes e Tradições
20h30 – Carminho – Praça dos Vales (Local – Praça José da Costa)

Ler também