Melhores pilotos de rally discutem título nacional em Oliveira de Azeméis

As fotos foram submetidas em 13 Out 2016 às 8:54

O Rally Casino Espinho, prova pontuável para o Campeonato Nacional de Ralis que vai para a estrada este fim-de-semana, pode decidir, em Oliveira de Azeméis, o campeão nacional de ralis depois dos pilotos percorrerem, nos dois dias de competição, um total de 107 quilómetros cronometrados.

O rally arranca no sábado em Vila Nova de Gaia com a realização da classificativa espetáculo (Street Stage) e a super-especial de Santa Maria da Feira, cabendo, no domingo, a Oliveira de Azeméis receber os pilotos para quatro provas especiais classificativas (PEC) que prometem ser um bom espetáculo para o público pelas paisagens oferecidas e pelas características do terreno.

Das 10 classificativas, quatro realizam-se em território oliveirense levando os pilotos a cumprir mais de 44 quilómetros de troços em asfalto.

A classificativa “Ferreira de Castro”, nome do conhecido escritor oliveirense, levará os corredores, por duas vezes, até às paisagens verdejantes da freguesia de Ossela, com destaque para a zona do Pedregulhal, num traçado sinuoso que terá continuidade em Macinhata da Seixa e em Palmaz com a PEC “Rio Caima”, oferecendo ao público emoção e muita competitividade.

A primeira classificativa em Oliveira de Azeméis (PEC 3) inicia-se às 10h00 de domingo passando por Gândara, Mosteiró, Selores, Ribeira de Baixo e Macinhata da Seixa, numa distância de 8,10 quilómetros. A segunda classificativa (PEC 6) começa às 11h50 levando os pilotos a cumprir um troço de 14,2 quilómetros que atravessará lugares como Vale Madeiros, Nespereira de Baixo e Vilarinho de São Roque.

Na parte da tarde, os pilotos voltam a fazer de novo os dois troços, às 14h40 (PEC 7) e as 16h30 (PEC 10). A chegada a Espinho, onde decorrerá a cerimónia de consagração do vencedor no pódio instalado em frente ao casino, está prevista para as 18h15.

“É uma honra o município receber esta importante prova do calendário de ralis que pode decidir o título de campeão nacional”, afirma o presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, Hermínio Loureiro.

Segundo o autarca, “estão reunidas todas as condições para um fim-de-semana de grandes emoções onde o público poderá ver os melhores pilotos nacionais de rally”.

“A nível dos troços está garantida a espetacularidade”, refere Hermínio Loureiro, destacando que “temos paisagens deslumbrantes e estradas com características apropriadas para os pilotos mostrarem as suas capacidades e oferecerem um bom espetáculo”.

O rally será uma “festa” e uma “excelente oportunidade para as pessoas conhecerem melhor o concelho, em particular os locais por onde passa a prova”.

“Este será mais um momento de afirmação do município e o regresso de provas pontuáveis para o campeonato nacional no qual temos equipas e pilotos consagrados de Oliveira de Azeméis a competir”, sublinha, lembrando que a prova “irá certamente concentrar muitos espectadores pelo que o público deve respeitar todas as regras de segurança”.

“Não deixe de aplaudir as máquinas e os pilotos mas faça-o em segurança”, apela Hermínio Loureiro, esclarecendo que está a ser feita uma divulgação “porta a porta” de como as pessoas devem lidar com a envolvência do rally.

Segundo o presidente da Câmara, a prova de Oliveira de Azeméis servirá para homenagear Zeferino Teque, uma “figura discreta” mas considerado um dos melhores “preparadores de motores” do país estando por detrás dos êxitos dos pilotos.

A ver fotos

(ler comentários dos utilizadores ou adicione um comentário)

« Foto Anterior Foto Seguinte »

Está a ver a imagem número 1 de um total de 1 imagens.